sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Essência Mística Noturna





No silêncio dos vistos urbanos
sofro a petição de meu instinto
procuro a presa
não aceito qualquer uma
tem que me satisfazer
desde o olhar até o penetrar.
Sob um luar suspeito e evasivo
banho-me de desejos.
Na plenitude orgástica
perco-me
e retomo depois dos vários,
a vida.

8 comentários:

  1. Uau..poema sexy e bonito. Parabéns.

    Bj

    ResponderExcluir
  2. Olá Jaqueline,boa noite!

    Poesia sensual, de paixão e tesão, que mexe com os sentidos de quem a lê. Dela tirei a chama, porque senão o que adiantaria um coração que não se inflama? rsss...


    Muito grata , querida, por tua visita ao Sementes Preciosas, na minha ausência, e às palavras solidárias que deixou lá pra mim.

    Que a nossa semana seja assim, com paz, amor, e muita saúde.

    Bjos da Lu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, somos virtuais, mas somos humanos, salvo os robôs(...rs)
      Sinto sua falta aqui em Deliciosa Ilusão.

      Vc faz parte de meu cantinho!!
      Bjoks e bom fim de semana.

      Excluir
  3. Jaqueline, you are always so provocative and sensual with the words you write:)

    ResponderExcluir
  4. Que seja sempre real esse toque,,,esses sentimentos, esses desejos,,,que essa noite se faça infinita,,,pois nas noites tudo acontece,,,,beijos amiga,,,bom domingo e uma bela semana pra ti..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada meu querido Everson, desejo o mesmo para ti;
      bjoks

      Excluir

*Imagens: Google