terça-feira, 4 de setembro de 2012

Plenitude Copular


Respira
inspira
expira.
Olhos libertinos
suspeitos.
Toques
carícias
sorrisos tímidos.
Olhos fechados
sentidos.
Beijo
lábios nos lábios
mordidas leves.
Mão na nuca
arrepio ousado
volúpia ardente.
Quimera!
Transcendência!
Prazer!
Calmaria.
Respira
inspira
expira
ciclo múltiplo.
Ledice
Sono
sonho.



24 comentários:

  1. Querida Jacqueline:
    He estado leyendo tus últimos posts y como siempre he encontrado sensibilidad, sensualidad y bellas palabras. Un beso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido Armando, se complace en responder a sus comentarios, yo estaba feliz de ver que usted ha leído y comentado en los textos antiguos.
      Espero que hayan tenido un buen descanso y bienvenidos de nuevo a la blogosfera.
      Besos

      Excluir
  2. Jaqueline, you write such beauty with your words, just amazing and touching;)

    ResponderExcluir
  3. Sensível, excitante e extremamente sensual. Muito bom Jaque. (Nossa,...e eu aqui sózinha..rsrsrs). Uma boa semana amiga, tchauuuu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Su, imagino vc aí sozinha...rs
      Obrigada por vir, boa semana para vc também, minha flor!

      Excluir
  4. Oi Jaque
    Mais um poema super sensual, que é a sua marca registrada, até pensei já tê-lo visto por aqui, mas acho que é outro parecido, vc é boa nisso einh?!
    Bjão. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, meus poemas são característicos e semelhantes em sua eroticidade e sensualidade, quando reedito um eu deixo como observação a data em que foi feito, faz parte de minha poética.
      Mas esse é inédito, e nunca havia misturado realidade com sonho sem ou com a concretização (ambígua) como foi nesse, se vc observar tudo é sonho ou termina com um sonho, ambos dormiram depois de fazerem amor. Depende do ponto de vista do leitor e da musicalidade com que cada um lerá para compreender o ritmo poético.
      Bjokssss

      Excluir
  5. Plenitud de Amar es excitación sin límites. Satisfacer nuestros sentimientos, uniendo todos los poros de nuestra Piel hasta llegar al éxtasis como lava de volcán, que es el resultado de las ansias por unirse con aquel trozo ansiado de Tierra.
    Precioso Jaqueline.
    Adoro Você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lava de volcán?
      Pedro deleite que la comparación!
      Siempre me sorprende con sus palabras por isso adoro voê!
      Besos

      Excluir
  6. Olá!Boa tarde!
    Jaque!
    ...plenitude copular, nome perfeito! Vir, ver e vencer. Tocar o céu por um instante...
    Boa quarta feira!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tocar o céu por uns instantes...e que instantes!!!
      Boa quarta para ti também, Felis.
      Bjoks

      Excluir
  7. Jaque, lindona!
    Muito belo o poema!
    Somente o título já diz tudo, é um poema dentro do poema!
    Gostei das palavras que avançam em outras palavras e deixam o leitor na imaginação. Sensual e verdadeiro!
    Beijos, queridona!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Florzinha, que prazer em lê-la aqui!
      Fico feliz que vc tenha conseguido sentir o título conforme minha proposta.
      Bjoks

      Excluir
  8. Olá!Boa noite!
    Jaque!
    ...obrigado pelo carinho,tá?
    Bom feriado!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Felis.
      bom fim de semana para ti.
      Bjoks

      Excluir
  9. Olá linda Jaqueline!!

    De uma sensualidade a tua poesia , hein, amiga!!
    Instante que faze a gente se lembrar dos próprios.Quem não os tem, não é mesmo?

    Adorei a sua visita Jaqueline, como sempre, aguardada por mim!

    Beijos da Lu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, gosto de visitar seu cantinho e além de alimentar meu interior com seus textos, deliciar-me com a música de fundo.

      Obrigada por vir,
      bjoks

      Excluir
  10. Lindo, lindo, lindo demais

    ResponderExcluir
  11. Ultimamente esta muito inspirada rsrs, adoro seus poemas minha imaginação fica aguçada e claro meu maridom adora..kkk

    ResponderExcluir
  12. Olá querida amiga sempre apaixonada! rss

    O seu poema inspira e transpira amor e paixão. Ao lê-lo, me deu idéias...Muito bom. Muito bom mesmo!

    Feliz Ano Novo Jaqueline, pra ti e sua família!

    Bjos da Lu...

    ResponderExcluir

*Imagens: Google