quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Cheiro do Pecado



Dizem que o pecado tem cor
dizem que é vermelho,
para mim, ele não tem cor
ele tem cheiro, o seu cheiro!
Quando inalo,
transcendo a matéria
abrindo-me para você.
Nesse ato
viro devassa
agarro
aperto
solto
empurro
viro
volto
uivo
puxo
falo
gemo
jorro
aleatoriamente
mutuamente
umedecendo-me por inteiro
não pensando em nada
que não seja você
e a plenitude do desejo
eu em você
você em mim.






22 comentários:

  1. Que legal Jaqueline!
    o mais legal disso tudo é que nem é pecado... =D
    Um Beijo
    End Fernandes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. End, obrigada por deixar sua opinião.
      Bjoks

      Excluir
  2. ¡¡¡Ufff! ¡Cuanta sensualidad y Pasión!
    ¡Cuanta palabra bonita!
    Un abrazo y beijos.
    Adoro Você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sí, Pedro, mucha sensualidad y pasión!!!!
      Adoro você.

      Excluir
  3. Ooooh, Jaqueline, this is hot and sensual... beautiful<3

    ResponderExcluir
  4. Para mim essa foi a melhor!!!! Ela começa lenta, intensifica até acelerar o coração e volta a lentidão... um só metal cortando o corpo!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, você captou o ritmo da poesia!
      Muito bom!!!

      Excluir
  5. Olá!Boa tarde!
    Jaque!
    sim...ritmo perfeito!... adornados e perfumados para o encontro do amor, e imaginar em nós um "cheiro suave e bom", sinal da cumplicidade do desejo...
    Obrigado!
    Boa quinta feira!
    Beijos
    ah..estou levando seu link me ( acesso pelo meu menu página de selos e mimos)
    fui....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu querido, cumplicidade e afinidade mútua!!!
      Sinto muito por não ter conseguido levar meu link me, vou tentar refazê-lo.
      Boa sexta-feira,
      bjoks

      Excluir
  6. Nossa que tesão de poesia! Só tenho a complementar e dizer que isto é tudo muito bom. Perfeito!! Beijos Jaque.

    ResponderExcluir
  7. Que poesia DE LI CI OOOOOOO SA (só para acompanhar o ritmo pós orgástico rsrs) Jaqueline! Dizem que um elemento primordial no amor, para os homens, seria inicialmente a VISÃO; eu apostaria que para as mulheres, inicialmente, seria o CHEIIIIRO, por outro lado, dizem que é o cérebro. Chego a conclusão de que nada disso tem importância, basta a conjunção de tudo e carpe diem!

    ResponderExcluir
  8. Oi Jaque
    Eu não sabia que o pecado tinha cor, nem cheiro, mas se isso que vc descreveu no lindo poema é pecado, então minha amiga tá todo mundo perdido kkkkkkkk.
    Bjão. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Lu!
      Mas é só poesia, para uns é pecado, para outros não, depende do momento, da pessoa, enfim da situação.
      Bjoks

      Excluir
  9. Jaque, lindona!
    Maravilhoso teu poema e a proposta de explorar o sentido do olfato e o relacionar com pecado.
    Sabe do que lembrei, da Marlyn Monroe quando falou: 'durmo com duas gotas de Chanel e mais nada'. :)

    Parabéns pela peça de teatro que você postou lá no face sobre ela!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marlyn foi e é um símbolo de sensualidade, pena não ter sabido conviver com isso. Mas em se tratando de aroma, ele mexe com todos os sentidos e órgãos do corpo, causam estímulos agradáveis ou repugnantes, depende!!!
      Como sempre é um prazer recebê-la aqui, Cissa!
      Bjoks

      Excluir
  10. E o pecado é algo delicioso!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. .


    Eu tenho certeza que amanhã a
    turma vai cair de pau criticando
    o texto que vou postar no blog
    do Palhaço Poeta.
    Desta vez
    eu vou deixar que falem, até
    porque, amigo tem liberdades
    que nem ele próprio reconhece.
    Amanhã, primeiro de setembro,
    o bicho pega ou eu pego o bi-
    cho.

    Um beijo,

    silvioafonso






    .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não devemos nos incomodar com o que os outros vão pensar, lógico que devemos ser ponderados e procurar ficar dentro da proposta de nosso blog.
      Sucesso, Silvio!
      Bjoks

      Excluir

*Imagens: Google