sexta-feira, 15 de junho de 2012

Olhar - Impetuoso Sentido





Ao olhar adiante para o nada
começo a sentir o existir.

Extravaso feromônio
pelos poros aleatórios.

Meu olhar não vê
mas transmite
o que remanesce
o querer

E meu querer é você,
senhor meu
meu Orfeu
no apogeu do eu.

Do eu no nada
do eu em mim
do eu em você
do eu em nós
sem doer

apenas prazer
ledice, trúpia
doação em dupla

hum...que volúpia!

Enfim, bonança!
Desperto o olhar para o nada 
 lá encontro pousada.








22 comentários:

  1. JAQUELINE,

    se nada fosse, só por isto seria, tudo:

    Do eu no nada...
    do eu em mim...
    do eu sem você...
    do eu me nós...
    sem doer...

    E fico então me perguntando, de onde e de quais raizes tão profundas desta sua árvore, você busca nutrientes nesta sua terra das emoções poéticas para transformá-las em seiva que fortalecem e robustecem estes troncos imensos das suas poesias.

    Verdade Jaqueline!

    Aquela sua estrofe por mim copiada é de uma beleza que nem o mais competente Gran final do Cirque du Soleil conseguiria superar.

    Desculpe aqui plagiá-la,repetí-la, reforça-la, mais depois disso, realmente "humm que volupia!/Enfim,bonança!".

    Lindo.. e sentí exatamente,também assim.

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paulo, minha raiz é o intenso sentimento que vivo a todo momento. Em cada fase de nossas vidas deliciamos prazeres e decepções, destes transformo-os naqueles, escrevo sentindo exatamente o que descrevo, não para aumentar o público, mas para expor o que eclode em mim.
      Bjoks

      Excluir
  2. Gosto de lê-la porque seus escritos sao sempre muito intensos....

    Lindos versos!

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Vanessa!
      Sempre delicada, singela e presente.

      Excluir
  3. Palavras que conseguiram transmitir grandemente tudo o que vc quis expressar em sua poesia! Ou, ao menos, tudo o que eu consegui abstrair! Intenso!!!!!!

    Obrigada, pelos votos de melhoras ao maridão... depois de longos dias ausente, estou de volta!

    bjks JoicySorciere => CLIQUE => Blog Umas e outras...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joicy, fico feliz pela recuperação do maridão.
      Obrigada pela visita e comentário, bjoks

      Excluir
  4. Oi Jaqueline, boa tarde! Seus versos são lindos! Adorei vir te conhecer! Parabéns! Fique na paz! Namastê!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Sandra, fco feliz que tenha gostado.
      Bjoks

      Excluir
  5. Escrito intenso e sensual, mas verdadeiro... Simples como somos. Amei Jaque!

    Grande beijo, bom fim de semana minha querida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pe, obrigada por vir, o olhar é verdadeiro e não mente...rs...redundante!

      Excluir
  6. I have missed reading your poetry Jaqueline, I have been too busy... you write with so much emotion and beauty... such gorgeous words<3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. I missed you when you give, Launna, come visit me.

      Excluir
  7. En ciertas ocasiones nuestras miradas hacia la nada encuentran allí su Posada...su albergue.
    Son reflexiones constantes que nos hacen ver infinidad de cosas y sentir multitud de sensaciones.
    Preciosa Poesía, Jaqueline.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  8. Tudo começa a partir de um olhar, é por ele que os hormonios começam a exalar. Amei os versos:

    "E meu querer... é você
    senhor meu
    meu Orfeu
    no apogeu do eu."


    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Lu, pelo delicioso comentário!
      Um olhar fala mais do que palavras...

      Excluir
  9. O que dizer ? não sei, então calo..fico mudo diante desse talento imenso.

    ResponderExcluir
  10. Só agora estou retribuindo a sua visitinha.
    Não me leve a mal, ok? É que tempo aqui realmente é escasso.
    Gostei do seu blog, e este poema é muito lindo. Adorei. Forte e sedutor. Parabéns.

    Beijão.
    Cléo - Acesse o blog Vejo Por Aí... Onde o útil, o fútil e o inútil se encontram.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não há problemas, eu entendo que nossa vida é corrida. Passa rápido! Bjoks

      Excluir
  11. Como estava um pouco afastada estou tentando voltar aos poucos
    novamente tentando digerir o desconforto que estou passando no momento.
    Eu não posso parar muito menos desistir de lutar como sempre fiz.
    E a amizade nos da força sempre para continuar nossa jornada.
    Nessa rapida visite convido você a ler minha postagem
    também dizer se gostou do novo visual da nossa Viagem.
    Lindo final beijos no coração,Evanir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Evanir, espero que esse momento passe rápido e que vc posso ter tranquilidade para saber lidar com ele.
      Bjoks

      Excluir

*Imagens: Google