terça-feira, 12 de junho de 2012

O Fim do Começo do Nós


Estávamos brigados, para mim tudo estava dando errado, tudo e todos me irritavam. Ai que raiva!
Estávamos brigados! Era o fim pra mim! Pensar que logo neste dia estaríamos assim...brigados. Ao sair pela manhã não me beijou na testa como de costume, ao dar por mim você já havia saído e eu ficado. Ficado ali na cama, estendida pela manhã, preguiçosa pela química, mas sem seu beijo de despedida, me sentia perdida. Estávamos brigados! Até a hora do almoço nem um telefonema, nem uma mensagem no celular... nada! Nem um sinal de que era mentira o que acontecia. Eu te perdia...e que ironia...logo nesse dia! Afinal de contas o que acontecia? Por que brigamos? Por que discordamos? Por que? Enfim... estávamos brigados! Na hora do almoço, o atraso! Você não veio. Fiquei fora de mim, desacreditei no que esperei... você não apareceu! Ao passar aquelas horas, ouvi o motor de seu carro, corri para ver meu cabelo, olhei para o espelho e que olheiras (de tanto chorar)! Mesmo assim ajeitei minha roupa, lógico que sensualizei um pouco (queria que você me desejasse) e sentei no sofá como se nada estivesse acontecendo, sendo que tudo acontecia. Você chegou sério, com um ar tenebroso e sem me olhar passou para o quarto retirou as chaves do carro, pegou uma sacola que trouxe da rua e veio em minha direção. Você nem sorriu, nem me beijou, nem disse "oi". Estávamos brigados! Ao chegar perto de mim estendeu a mão com a sacola e me entregou. Eu, sem curiosidade, peguei e fiquei procurando seu olhar, sua boca, sua fala,  menos o que havia na sacola... afinal estávamos brigados. Você indagou: "- Não vai ver o que trouxe para você?" , sem pensar muito, mas ainda procurando respostas, abri a sacola, o estranho era que a sacola parecia falar para mim: "- Calma, eu não tenho culpa, não me rasgue!  Você vai gostar do que eu tenho aqui dentro" . Nela havia um cartão em forma de coração com um embrulho lindo de uma das lojas famosas da cidade. No cartão estava escrito: Para minha eterna namorada com todo o meu amor. Chorei... choro... Era um celular. Abracei você e beijei com tanta vontade, como se fosse a última vez que o fizesse. Fizemos um amor gostooooso...Nosso leito foi sem mácula... sem culpa... sem brigas... sem sombras! Foi entrega total e recíproca. Mas... foi um adeus. Hoje, dia dos namorados, fazem três anos que nos separamos. Ainda tenho o celular, mas não tenho mais o seu amor... Que sarcasmo: no dia dos namorados tivemos o fim do começo dos nós para iniciarmos o sós, aliás, o só de mim... pois você já tem outra.


18 comentários:

  1. Oh my gosh, Jaqueline, you always make me feel something, this time I cried... how very sad. Your poetry almost always touches my soul:)

    ResponderExcluir
  2. Paradojas de la vida.
    En cualquier caso; siempre hay que sacar las experiencias y recuerdos positivos y olvidar los no tan buenos.
    La vida continua y siempre habrá más oportunidades de sacar brillo a nuestros sentimientos para que desemboquen en un Amor completo y lleno de Plenitud.
    ¡¡¡Feliz día de los Enamorados en Brasil!!!
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  3. Paradojas profundo y real. Diario vivido y experimentado, besos para ti Pedro.

    ResponderExcluir
  4. It was real, Launna. I wrote crying too.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia :)
    Muito lindo e muito triste o fim ao mesmo tempo.
    Mas levante-se e saiba que a vida continua..continuou pra ele e deve continuar pra ti.

    Beijos e cuide-se
    OBS:Post bem romântico lá no blog

    RIMAS DO PRETO

    ResponderExcluir
  6. Continua e por isso estou indo ver seu poster. Bjoks

    ResponderExcluir
  7. Tem namorado?
    feliz dia para você com sua companhia,
    não tem? felicidades assim mesmo, afinal mais
    um dia dado por Deus para ser vivido.
    Beijos
    Mary

    ResponderExcluir
  8. Muito bem, Mary!
    Não tenho namorado, mas tenho vida!

    ResponderExcluir
  9. Curti muito, assim que ocorre mesmo, a vida nos reseva dessas, rsss
    bjim!

    ResponderExcluir
  10. Excelente texto e com um final brilhantemente escrito!!!

    Passando para conhecer e seguir as amigas do Blogueiras Unidas onde também estou!!Bjsss...Por favor amigas(os) caso estejam usando verificação de palavras sugiro que retirem pois nos faz perder MT tempo,e agora ainda está pior que são duas e com letras desenhadas....É um meio de afastar quem comenta fazer uso desta ferramenta!!!Se já tiver tirado,PARABÉNS!!!!Desculpa a invasão. Isto não é uma crítica,ok?Apenas um conselho!!

    http://rumoslibertadores.blogspot.com – 494
    http://zildasantiago.blogspot.com - 493
    http:carinhossorteiosetcetal.blogspot.com – 955

    ResponderExcluir
  11. A gente não espera que seja em uma data especial, mas...acontece. Bjoks, Lilian.

    ResponderExcluir
  12. Comovente Jaque!
    Mas para quem não tem namorado, vá namorar os filhos, ou amigos, ou ainda os pais... O que é namorar senão curtir e dedicar nosso amor a alguém especial para nós?
    A vida continua e a coragem não pode faltar!

    Grande beijo minha querida!

    ResponderExcluir
  13. Mais um ótimo post...parabéns !
    Heráclito (filosofo grego) diz que: "Ninguem consegue pisar duas vezes no mesmo rio"

    ResponderExcluir
  14. Feliz Dia dos namorados querida, que Deus esteja sempre presente em todas as areas de sua vida, um grande abraço.

    ResponderExcluir
  15. Feliz Dia dos namorados querida, que Deus esteja sempre presente em todas as areas de sua vida, um grande abraço.
    http://grandeigualdavi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Olá amada. Faço parte das BU Identificação 26 e passei para conhecer e seguir o teu blog. Lindos seus trabalhos, que Deus te abençoe sempre.
    Espero a tua visita no meu cantinho. Beijos fique com Deus
    Luciana
    http://trabalhosemevadalu.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Olá, querida Luciana!
    prazer em recebê-la aqui, obrigada pelo elogio. Estou indo ver seu cantinho...
    Bjoks

    ResponderExcluir

*Imagens: Google