sábado, 31 de março de 2012

Necessidade de Proteção

Às vezes, tudo o que queremos é um abrigo,
não um abrigo de concreto
madeira ou algo parecido,
mas um abrigo que nos transmita segurança,
proteção interior,
que nos envolva em seu calor
mostrando-nos que não estamos sós.

Deus faz-nos repousar assim,
Mas tem horas que precisamos de um "colo"
literalmente falando,
algo humano, toque, calor!
Em horas assim, até o corpo pede
com um friozinho nas veias,
um ar distraído,
um olhar vago ou triste.


A sensação de impotência mistura-se a uma nostalgia,
a um "ar" de  incapacidade diante da turbulência
que nos abala a estrutura, deixando-nos frágeis.
Interessante que essa turbulência pode ser desde um saudosismo
até uma ocorrência fatal contemporânea!

Mas...passa!
O abrigo nem sempre aparece
e a solidão torna-se nossa companhia...
Mas, como tudo e todos, esse momento também passa.


Jaqueline Cristina

Um comentário:

  1. às vezes, sentimos desprotegidos! Faz parte da nossa labuta.

    ResponderExcluir

*Imagens: Google